Desigualdade de gênero é tema do novo vídeo da Campanha Defenda-se

vídeo 10Aproveitando as mobilizações em torno do dia 20 de novembro, em que é celebrado o 26º aniversário da Convenção Internacional Sobre os Direitos da Criança, a Rede Marista de Solidariedade, por meio do Centro Marista de Defesa da Infância, lança o 10º vídeo da Campanha Defenda-se.

Em respeito ao princípio da Participação, presente no Artigo 12 da Convenção, o vídeo foi desenvolvido juntamente com crianças e adolescentes do Centro Educacional Marista São José (SC), que colaboraram na definição do tema, na construção do roteiro e na locução dos personagens que conduzem a história, Valentina e Caio.

“Em função de uma cultura adultocêntrica, a sociedade ainda não reconhece esse direito e as contribuições que a infância pode oferecer. Ao2015-204DSC_7093 mesmo tempo em que é difícil a tarefa de incluir crianças e adolescentes nos processos democráticos, especialmente nos assuntos que lhes dizem respeito diretamente, é essencial para a efetivação plena das políticas públicas. Ao se falar em enfrentamento da violência sexual, acreditamos que as crianças devem conhecer o tema para que possam opinar sobre ele e agir em defesa própria”, afirma Vinícius Gallon, coordenador da Campanha Defenda-se.

A nova história busca problematizar a desigualdade de gênero e suas implicações para a violência sexual. “O desafio do 10º vídeo é o de contestar os papeis de gênero construídos desde a infância, em que meninos e meninas são levados a assumir posturas pré-determinadas de cada sexo, ainda que isso vá contra sua vontade e seu desenvolvimento natural. As crianças que, por ventura, não se enquadram nos estereótipos acabam sofrendo com a violência, inclusive sexual.”, diz Vinícius Gallon.

A série está disponível no site do projeto, juntamente com documentos de referência sobre o enfrentamento à violência sexual e materiais para mobilização do tema nas mídias sociais:www.defenda-se.com.

Assista ao novo vídeo!
Defenda-se | Vídeo 10